terça-feira, 30 de maio de 2017

Luxúria: Desejo e prazer



Chegamos ao fim da nossa saga!!! Depois de seis desafios intensos baseados nos Sete Pecados Capitais concluímos o último desafio: A lúxuria!!!


É hora de unir todas as dicas anteriores e se exercitar muito!!! Ainda trouxemos algumas posições para você incluir nessa brincadeira:




E aí, você curtiu nossa série sobre os Sete Pecados Capitais? Deixe seu comentário!!!

Noites mais quentes, dias mais felizes!!!



domingo, 28 de maio de 2017

Gula: A arte do sexo oral


Nosso desafio pra hoje é mais que gostoso. Para representar o pecado da gula escolhemos o sexo oral e o tão cobiçado menage à trois para os mais ousados. Para os gulosos e gulosas trouxemos dicas valiosas que vão deixar esse momento ainda mais gostoso.

Sexo oral neles

No início, use as mãos para fazer as coisas acontecerem, não se esqueça de lubrificá-las generosamente pra que não fique desconfortável para ele. Em vez de parar pra pegar mais lubrificante, tente o truque esperto usado nos filmes pornôs: a própria saliva.

Não fique com o pênis na boca por um longo tempo, isso é muito previsível. Varie em chupar o pênis e lamber o eixo pra cima e pra baixo com apenas a ponta de sua língua, volte a chupar de novo, depois pare e provoque com mais lambidas.
Não termine quando ele disser que está quase lá. Quanto maiores forem os seus movimentos na etapa final, maior será o orgasmo dele. Então pegue o bumbum dele e puxe-o pra mais perto de você à medida que ele está quase gozando. Ou tente dar um leve aperto no pênis na hora que ele gozar, a fim de dar mais intensidade ao prazer. 

Sexo oral nelas

Explore, beije e acaricie a parte interna da coxa, virilha, grandes lábios.

Vá contornando a região toda, beije, passe a língua na área acima dos pelos pubianos e deixe o clitóris por último. Dessa forma, ela ficará com mais vontade, mais excitada e mais preparada para o toque no clitóris.

O clitóris é a região que mais proporciona prazer na mulher, mas não é o único.
Por mais que a língua é úmida e facilita o toque, o clitóris é muito sensível, então preparar o corpo da mulher, deixando-a mais excitada, é mais gostoso e prazeroso, e quando você chegar lá, ela não vai querer que você pare.

Quando a mulher estiver bem excitada e quase chegando ao orgasmo, mantenha o ritmo, pressão, movimento que você estiver fazendo, não mude. Por mais que você se empolgue e também se excite por ver-la super excitada, não mude o ritmo, não acelere, não pare, não faça nada de diferente, pois pode acabar quebrando o alcance ao orgasmo.

Menagé a trois

Quer se jogar num ménage? Aqui estão algumas ideias práticas.

Preliminares longas e caprichadas. Muita língua, sussurros, carinhos, massagens… Sem pressa de ser feliz.

Não existe regra para um ménage benfeito, mas estar familiarizado com as posições clássicas ajuda na evolução do conjunto. Assista a uns filminhos pra já ir com umas ideias na cabeça. Algumas posições, mais conhecidas, são autoexplicativas; outras exigem um pouco mais de imaginação: trenzinho da alegria, cata-vento oral, toma-lá-dá-cá, etc...
Se ficar sobrando na transa – o que é normal em alguns momentos –, aproveite para soltar seu lado voyeur. Assista, pegue um brinquedinho… E volte para o campo!

Repita, inverta os parceiros...

Camisinhas!!!Quanto mais melhor... E devem ser trocadas a cada troca de parceiro ou parceira. 

Noites mais quentes, dias mais felizes!!!

sexta-feira, 26 de maio de 2017

A ira: uma experiência de prazer



Chegou a vez de mostrar toda sua IRA, com muito prazer e amor! Hoje, a proposta é uso do sado fetiche para apimentar a relação. Lembra das cenas do filme 50 tons de Cinza? Pois é, vamos ser bem mais sutis, afinal não sabemos se o caro leitor ou leitora conhece a fundo essa arte. 

O primeiro passo para a realização de uma fantasia sado fetiche é o comum acordo entre as partes. Converse antes com seu par e estabeleça limites para que tudo ocorra de forma segura e  prazerosa. Quem sabe depois dessa fantasia você descobre um novo fetiche?

Então vamos lá?

Se você quer se iniciar nessa arte monte um kitzinho básico para iniciantes: algemas, chibata, tapa olhos e velas para massagem. Use abuse de roupas de vinil ou cuecas sado para entrar no clima.

O primeiro passo é imobilizar seu par, use algemas ou amarras. Isso permitirá você tocá-lo(a) e explorar as partes do corpo dele(a) sem que ele(a) possa impedir. Prenda as mãos na cabeceira da cama ou qualquer outro ponto de apoio e comece a brincadeira. Nessa etapa você poderá por exemplo utilizar velas aromáticas que após acessas permitem que o liquido da vela seja despejado no corpo sem queimar. Na verdade essas velas não contém parafina e no lugar da cera há um óleo de massagem. 

Se seu par permitir inclua uns tapinhas suaves. Você deve adquirir um chicote ou chibata para dar leves chibatadas em partes de seu corpo ou até mesmo esfregando a haste do chicote em partes do corpo do outro. 


Quer intensificar as sensações? Um item que combina muito com as algemas são os tapa olhos, pois elas impedirão que seu parceiro possa ver o que você está fazendo, aumentando a curiosidade e a excitação.

E aí? Vai topar o desafio?

A melhor sex shop de Minas Gerais.






quarta-feira, 24 de maio de 2017

Soberba: A arte de desdenhar


Fiquei aqui pensando como seria uma pessoa soberba no sexo e como esse o ato da soberba poderia deixar o sexo mais gostoso. Então vamos lá!!! 

Nesse ato vamos usar e abusar da vaidade. É hora de mostrar a que você veio. Talvez o desafio maior aqui seja para algumas mulheres.Vamos colocar a prova a sua auto estima.

Esse é um desafio que exige preparação e investimento em você. Isso mesmo: maquiagem, lingerie fina ou uma bela fantasia, não esqueça do salto agulha (homens amam esse tipo de acessório). Vale até investir em um lap dance ou striptease particular.

A ideia é deixar seu par literalmente "babando" por você. E nada de ir se entregando, não!!! Se no desafio da inveja ele teve muiiiiito sexo, agora a ordem é deixá-lo a "ver navios" (pelo menos por umas horinhas, heheheheh).

Mostre todo o seu poder, deixe todas as suas "neuras" de lado e sinta-se no controle. Provoque-o, use a imaginação para mostrar a ele o que ele está "perdendo", mas lembre-se de não tocá-lo!

Corre lá, faz o desafio e conte pra gente!!!


A melhor sex shop de Minas Gerais



segunda-feira, 22 de maio de 2017

Avareza: Muito é sempre pouco


O desafio de hoje está relacionado ao pecado da Avareza. A ideia aqui é sempre ter mais: mais orgasmos, mais relações ou mais tempo de sexo, você escolhe.

1- Mais orgasmos

Se a ideia é ter o maior número de orgasmos em uma relação, você e seu par podem investir em produtinhos que vão proporcionar mais energia  e também podem variar nas posições e na intensidade, lembrando que o orgasmo pode vir de várias formas tanto para homens quanto para mulheres. 

Ah! E pra quem vai dizer que os orgasmos múltiplos são exclusividade as mulheres. Preciso lembrar aos homens que 'gozar' e 'ejacular' não é a mesma coisa. Gozar, atingir o orgasmo, é a sensação. Ejacular é expelir o esperma. O homem só consegue ter orgasmos múltiplos se aprender a separar uma coisa da outra.

Cada homem tem um ritmo sexual que mais lhe dá prazer. Ao vir o gozo, diminua (ou cesse totalmente) esse ritmo, prenda a respiração e contraia o músculo pubococcígeo (que se estende desde o osso púbico até o cóccix e atua como uma válvula no funcionamento do reto e da uretra). Sem maiores estímulos, a sensação orgásmica se arrefece, mas não totalmente. Dessa forma, você pode continuar o ato, repetir a técnica e ter quantos orgasmos quiser.

2- Mais relações

Que tal bater um recorde pessoal, tendo várias relações ao longo do dia? Com certeza seu par vai gostar de se exercitar pela manhã, na hora do almoço, no meio da tarde, ao anoitecer e no fim da noite. Faça o convite ao seu par e cumpra esse desafio.

3- Mais tempo de sexo

Você está cansado (a) de rapinhas? Então, encare o desafio... 6 horas de sexo gostoso. Pensa que é fácil? Não, é não, mas o resultado final pode ser compensador. Invista nas preliminares, massagens, estimulação oral e prolongue a relação por mais tempo possível. 

Você pode escolher um dos três, ou se for bem "avarento" (rsrsrsrs), realizar as três propostas de uma única vez. E aí, vai encarar?




sábado, 20 de maio de 2017

A Inveja - O mais cruel dos pecados


Dando continuidade a nossa série sobre os Sete Pecados, hoje iremos falar dela, o mais terrível dos pecados, a inveja. É sabido, que não precisamos fazer muito para despertar a inveja nos outros. O simples fato de estarmos bem e felizes já é motivo para despertar esse bichinho inconveniente na vida alheia. E não me venha falar que você não gosta de ser invejado, sem nenhuma neura, lá no fundinho o ser humano gosta de despertar a inveja em outrem. Se não fosse assim não contaríamos vantagens sobre nós mesmos. Longe de querer usar esse pecado de forma destrutiva, aqui usamos a inveja ao nosso bel prazer.

Então, vamos lá!!! O desafio de hoje é provocar a inveja e viver momentos de extremo prazer. Nossa sugestão aqui é recorrer a auto masturbação e ao uso dos brinquedos eróticos.

A primeira coisa a se fazer é identificar se seu par tem ciúmes de brinquedos sexuais tais como dildos e vibradores. Sugerimos os esses sextoys porque boa parte dos companheiros (sejam homens ou mulheres) têm medo da concorrência que esses acessórios podem representar. Os dildos também são invejados, mas os vibradores por possuírem múltiplas funções são os mais temidos. Outros acessórios como masturbadores, plugs ou estimuladores de próstata também podem ser usados.
Lembre-se para não criar desconfortos e desentendimentos no relacionamento deve-se explicar que tudo não passa de uma brincadeira para deixar o sexo ainda mais quente, afinal para que tudo ocorra bem é preciso a consentimento das duas partes.

Identificado o objeto de ciúmes é hora de preparar o momento. A ideia é que você se masturbe na frente do seu par. E não é se masturbar pura e simplesmente, é se insinuar, explorar seu corpo, permitir-se sentir prazer da forma mais intensa possível. Despertar a inveja com um misto de prazer, isso porque com certeza o seu par também vai gozar. Além de prazerosa, essa prática também é uma ótima oportunidade para o parceiro ou parceira descobrir como você sente mais prazer. Um momento de aprendizado para você e seu par.

Que tal experimentar essa ação nesse final de semana? 

Deixe aí o seu comentário!!!

Sete Pecados Boutique - Noites mais quentes, dias mais felizes!!!

A melhor sex shop de Minas Gerais






quinta-feira, 18 de maio de 2017

A preguiça - A delícia de se entregar ao outro


A ideia inicial é convidar você a fazer uma pequena brincadeira baseada nos Sete Pecados Capitais com o intuito de despertar o desejo e fortalecer os laços dentro do relacionamento. E prepare-se, porque essa brincadeira deverá durar uma semana sem interrupções. Iremos publicar uma dica a cada dois dias, fique ligado aqui no Blog e na nossa Fanpage e deixe também seus comentários.
Inicialmente,você deve explicar a brincadeira para seu par, dizendo que a semana será uma semana de "pecados" e que a cada dia haverá um desafio baseado em um pecado capital. O horário, o dia e o lugar não importam, vocês devem fazer o desafio em 7 dias corridos. Então vamos começar???


Para começar nossa série sobre os Sete Pecados, vamos iniciar pelo mais leve dos pecados: A preguiça. 

Não vamos falar aqui da preguiça sexual, longe de nós incentivar tal coisa (rsrsrsrs...). Afinal, sexo e preguiça não combinam. A ideia aqui é usar a preguiça como um gatilho para o desejo. 

Mas como podemos fazer isso? 

Você irá combinar com seu par quem será o preguiçoso(a) da brincadeira. O desafio será resistir preguiçosamente às investidas do seu par. Você literalmente não fará nada. Não irá tirar uma peça de roupa, nem ao menos irá se movimentar. O trabalho ficará todo por conta do outro. E este, por sua vez, deve se esmerar em provocar, atiçar e despertar o desejo. Nesse jogo tudo será permitido, sendo que a penetração ou uso de acessórios (vibradores ou dildos) só deverá acontecer ao final, quando o preguiçoso não mais resistir a situação.É uma brincadeira tântrica onde todos os sentidos devem ser estimulados.

Uma de nossas sugestões para esse dia é o uso da Massagem Nuru, uma massagem corpo a corpo que utiliza um óleo a base de algas (extremamente deslizante). Você com certeza vai experimentar sensações incríveis.

video

E aí? Conte-nos sua experiência ou deixe seu comentário?


 Sete Pecados Boutique - Noites mais quentes, dias mais felizes!!!
A melhor sex shop de Minas Gerais



terça-feira, 16 de maio de 2017

Os Sete Pecados e os Relacionamentos


Ei pessoal!!! Durante esse mês até o Dia dos Namorados iremos publicar uma série sobre os Sete Pecados Capitais e vamos aproveitar para sugerir algumas brincadeiras baseadas no tema. Você se lembra quais são os Pecados Capitais?

1. Luxúria: apego e valorização extrema aos prazeres carnais, à sensualidade e sexualidade; desrespeito aos costumes; lascívia.

2. Gula: comer somente por prazer, em quantidade superior àquela necessária para o corpo humano.

3. Avareza: apego ao dinheiro de forma exagerada, desejo de adquirir bens materiais e de acumular riquezas.

4. Ira: raiva contra alguém, vontade de vingança.

5. Soberba: manifestação de orgulho e arrogância.

6. Inveja: desejo irrefreável de possuir ou gozar o que é de outrem.

7. Preguiça:
negligência ou falta de vontade para o trabalho ou atividades importantes.


Então, relembrou? E como aplicar isso nos relacionamentos? Como aproveitar o tema para dar e receber mais prazer? Ficou curioso? Acompanhe-nos nessa jornada e entregue-se ao desejo e ao prazer.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Assim eles não resistem...




Há várias formas de despertar o desejo nos homens: toques e técnicas simples, mas bem estratégicos, podem fazer a maior diferença para impressionar o parceiro. Veja aqui algumas das habilidades sexuais que nenhum homem é capaz de resistir na cama:
A masturbação é um dos preferidos do homens. Nesse caso, óleos especiais ou mesmo sua própria saliva podem funcionar como bons lubrificantes para masturbar o parceiro de um jeito que ele nunca vai esquecer. Procure ser suave e firme ao mesmo tempo, aumentando o ritmo e alternando os movimentos entre suave e forte. Quando sentir que ele está chegando ao orgasmo dê uma paradinha para prolongar o prazer.

Não ignore o poder dos toques básicos ao acariciar o parceiro. Mordidinhas, arranhões de leve e mesmo sua respiração ofegante no pescoço e nuca podem deixar qualquer homem arrepiado e bastante estimulado para o sexo.


A região dos mamilos, assim como nas mulheres, também é sensível para os homens. Por isso, aposte em lambidas, mordidinhas e até beliscões de leve.

Use a língua para carícias na região abdominal do parceiro, isso pode ser bastante estimulante, especialmente na medida em que você desce para o pênis. Aproveite ainda para beijar virilha e a região do saco escrotal, muitas vezes ignorada pelas mulheres no sexo.

Por causa de um preconceito tolo, muitos homens não admitem que sentem prazer no bumbum ou mesmo no ânus. A excitação experimentada por toques na região não tem nada a ver com maior ou menor masculinidade ou sequer está relacionada à homossexualidade. Se deseja experimentar as carícias com seu parceiro, pode começar com técnicas de massagens tântricas que apimentam o sexo.

terça-feira, 9 de maio de 2017

O que o seu beijo quer dizer?

Suave, romântico, apaixonado ou picante. Não importa como, o beijo na boca sempre foi e sempre será uma demonstração de carinho, um caminho para a intimidade. Mas você sabe  o que os  beijos dizem sobre sua relação? Segundo informações do site "Little Things", baseado no livro "A Ciência do Beijo"de Sheril Kirshenbaum, a forma como se beija diz muito sobre o relacionamento. Confira alguns dos significados:

Quando os parceiros beijam apenas o lábio superior ou inferior um do outro, é sinal de amor profundo e grande envolvimento entre o casal.
Se os lábios apenas se tocam, com a boca fechada, é um indício que o casal ainda não está completamente confortável na relação. Se ele acontece com frequência em um relacionamento de longa data, talvez seja o momento de tentar melhorar a comunicação e a intimidade.

Aquela leve mordidinha no lábio da companheira durante o beijo indica que o casal provavelmente possui uma vida sexual bastante ativa e ambos estão sempre dispostos a apimentar a relação.

Já os lábios que se tocam bem de leve, com pouca pressão, indica grande conforto, confiança e gratidão no relacionamento.

Um parceiro quando beija suavemente a pálpebra da companheira, demonstra afeto e garantindo a sensação de proteção e segurança no relacionamento.

Agora aquele beijo com a boca bem aberta, línguas em movimento e bastante troca de saliva indica grande energia sexual e um relacionamento bastante físico e carnal.

E finalmente o caloroso beijo de língua. Apaixonada, a carícia indica vontade de explorar sempre o corpo do parceiro, essencial para aproximar o casal e elevar o relacionamento e o carinho a um passo adiante.

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Coisas que as mulheres não gostam na hora "H"

Não é raro ouvir de mulheres reclamações sobre algumas coisas que os homens adoram fazer no sexo, mas que elas acham meio nada a ver e, em alguns casos, consideram até desagradáveis, especialmente quando não são consultadas se as práticas trazem algum prazer. 

Confira algumas práticas que a maioria das mulheres não curte muito durante o sexo:

1. Bastante comum em filmes pornôs, a prática da espanhola, ou seja, a fricção do pênis entre os seios da mulher, costuma agradar muito aos homens. As parceiras, porém, nem sempre gostam ou sentem algum prazer específico com o ato.

2. Outra prática envolvendo a mesma região feminina causa estranheza às mulheres: o “motorboating”, ou seja, quando o homem enfia o rosto entre os seios e solta ar pela boca, fazendo barulhos estranhos; chega, muitas vezes, a ser cômico e constrangedor - ou a causar cócegas, mas, geralmente, nenhuma excitação.

3. Apertar subitamente coxas e seios com força em momentos em que o sexo sequer começou a ficar intenso também pode deixar os homens excitados e acreditar que estão agradando. As mulheres, no entanto, não costumam ser atraídas pela carícia, que pode machucar.

4. A brincadeira de dominação e submissão na cama pode ser excitante quando o casal está de acordo, mas uma maneira que o homem tem de imprimir certo poder é bater com o pênis no rosto da parceira, prática que nem sempre é considerada agradável.

5. No mesmo sentido é o prazer que o homem tem em empurrar a cabeça da mulher contra seu pênis durante o sexo oral. Normalmente, elas sentem desconforto e ânsia, completamente dispensáveis ao ato.

6. Por fim, talvez uma das piores coisas que um homem pode fazer em um momento de excitação é beliscar os mamilos ou dar tapas e mordiscar o clitóris. Bastante sensíveis, as regiões normalmente ficam doloridas diante da empolgação.

Homens, por favor, consultem suas parceiras!!!


terça-feira, 2 de maio de 2017

Casamento x Sexo


Casar faz as pessoas transarem mais ou transar mais faz as pessoas se casarem? Essa é a dúvida que não quer calar dentro da comunidade científica, que acaba de descobrir um fato surpreendente a frequência do sexo no casamento.

O fato é que, teorias científicas a parte, sabemos, na prática, que o sexo tende a diminuir depois de alguns anos de casamento, quando chegam os filhos... Mas pesquisadores americanos descobriram que essa máxima está levemente equivocada.

Um aumento de atividade sexual foi notado em casais juntos há mais de 50 anos, de acordo com um estudo das Universidades de Louisiana, da Flórida e de Baylor.

“A frequência da atividade sexual não volta para as duas ou três vezes por mês, mas avança nessa direção”, aponta o autor da pesquisa, Samuel Stroope, como reportado pelo site de notícias do New York Times.

Os resultados apontaram para uma média de sexo de duas ou três vezes por semana em 65% dos adultos casados, caindo para 40% depois de 25 anos, e 35% depois de 50 anos.

Entretanto, para a surpresa dos cientistas, após 65 anos de casamento, a média, em vez de cair, sobe, para 42%.

Segundo Stroope, o sexo dentro do casamento é influenciado por duas variáveis: o desgaste com o tempo, que faz o sexo virar um hábito e perder a graça, e o cansaço do dia a dia. 

Mas nas relações de longa data, “as pessoas constroem algo, acumulam experiências e conhecimento do seu parceiro íntimo, algo que é enriquecido com o tempo”, explica ele. 

Isso somado com a chegada da terceira idade, em que o tempo restante vida vai ficando curto, e os ciclos sociais já são menores, os idosos percebem que o parceiro é tudo o que eles têm. 

Eles colocam a intimidade como prioridade máxima e passam a ver os companheiros como enxergavam antes das mudanças físicas do envelhecimento. 

Interessante não?